MP marca nova audiência com DNOCS e DER-PI para cobrar serviços na parede do Caldeirão

0

O Ministério Público, através da 3ª Promotoria de Justiça de Piripiri, Dr. Nivaldo Ribeiro, intimou novamente o DNOCS e DER-PI, para uma nova audiência que acontecerá dia 20 de janeiro/20, para tratar da parede do açude Caldeirão que ficou só no projeto e pouca coisa foi feito.

Na última audiência que aconteceu dia 22 de janeiro do ano passado, com o coordenador do DNOCS Dr. Djalma, explicou que, todo esse alvoroço começou após aparecer um buraco no final da parede da barragem, quando a coordenação recebeu a notícia, imediatamente enviou os técnicos do DNOCS, para averiguar. Ao constatarem a veracidade do fato, emitiram um relatório de inspeção, relatando a necessidade de reparos na estrutura causado por motivação de fluxo de caminhões pesados e falta de drenagem na implatação do asfalto feito pelo DER (Departamento de Estrada e Rodagens do Piauí).  Dessa forma, o DNOCS com apoio da prefeitura de Piripiri,  tapou o buraco que havia aparecido na parede naquela época, o que não resolveu totalmente, merecendo uma atenção urgente e necessária por parte do DER-Pi, para fazer as devidas revisões em toda extensão da parede do açude Caldeirão, já que o serviço de asfaltamento foi feito pelo órgão.

Na foto, audiência com o Coordenador do DNOCS Policarpo e dr. Nivaldo

O DER-PI por sua vez, fez uma limpeza nas canaletas que envolve a parede ainda no ano passado, no período do inverno e também um recapeamento asfaltico. A um mês atrás, uma empresa contratada pelo DER-PI, fez um estudo técnico com escavações para verificar as condições do material e as estruturas da parede e após isso nada mais foi feito.

Visto isso, o Ministério Público através do Dr. Nivaldo Ribeiro intimou mais uma vez os dois órgão para tomarem providências com urgência por conta da aproximação do inverno. Caso não seja tomado as providências imediata, será ajuizado uma ação civil pública, contra os dois órgãos.

Vale ressaltar, que os técnicos não detectaram nenhum risco com a parede do açude, mas precisa fazer reparos preventivos, principalmente com um novo recapeamento asfaltico.

Comentários