Quinta, 24 de Junho de 2021 20:49
86 998652221
Polícia CRIME

Adolescente desaparecida é encontrada morta e corpo enterrado em cova rasa em Teresina

A jovem estava desaparecida desde a última terça-feira (20), após supostamente ter sido sequestrada pelo ex-namorado em Teresina

25/04/2021 16h22 Atualizada há 2 meses
Por: admin Fonte: Portal Meio Norte
Corpo de Tatiana Graziele foi encontrado na região da Santa Maria da Codipi
Corpo de Tatiana Graziele foi encontrado na região da Santa Maria da Codipi

O corpo da adolescente Tatiana Graziela Santos Rodrigues de Jesus, de 16 anos, foi encontrado na tarde de domingo (25/04), enterrado em uma cova rasa em uma área de mata e de difícil acesso às margens do Rio Parnaíba, na região da Santa Maria da Codipi, na zona Norte de Teresina. A mãe da menor, Cleide dos Santos, reconheceu o corpo da filha pela tatuagem na sua perna.

O corpo foi encontrado por policiais do 13º Batalhão da Polícia Militar do Piauí. O acesso para chegar até a cova passa na mata nas margens de uma estrada vicinal. De acordo com a major Elizete, comandante do 13º BPM, contou que os policiais chegaram até a cova onde o corpo da jovem foi desovado após uma denúncia anônima 

A jovem estava desaparecida desde a última terça-feira (20), após supostamente ter sido sequestrada pelo ex-namorado que teria envolvimento com pessoas ligadas a facções criminosas em Teresina. A adolescente entrou em contato com a família pela última vez alegando que iria almoçar na casa de um amigo, mas não retornou mais para casa.

Na última quarta-feira (21), familiares da jovem receberam um vídeo, que viralizou nas redes sociais, da adolescente sendo torturada pelos suspeitos. Em entrevista à Rede Meio Norte, a mãe relatou que a jovem tinha envolvimento com um rapaz identificado como Ryan Rodrigues de Paiva, que seria integrante de uma facção em Teresina. 

A Perícia Técnico Científica foi acionada ao local para realizar os primeiros procedimentos. O local foi isolado para as primeiras investigações. Além disso, o Instituto Médico Legal (IML) também foi acionado para realizar a remoção do corpo na sequência.  

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), assumirá o caso e iniciará as investigações, por se tratar de envolvimento com facções criminosas.

Suspeitos de sequestrarem a jovem divulgaram vídeo  da vítima sendo torturada na redes sociais.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.